Pular para o conteúdo principal

Brasil reafirma domínio regional

(FIFA.com) Terça-feira 20 de setembro de 2011
Brasil reafirma domínio regional
Campeã da última edição da Copa do Mundo de Futsal da FIFA, a Seleção Brasileira voltou a comprovar a supremacia regional ao conquistar no último domingo o título da Copa América na Argentina ao derrotar a dona da casa por 5 a 1, erguendo assim o nono troféu continental em dez disputas.
O Paraguai, que com quatro presenças é o terceiro país sul-americano com mais participações na Copa do Mundo de Futsal da FIFA, completou o pódio após superar a surpreendente Colômbia por 3 a 1 na decisão do terceiro lugar. O torneio foi o último grande compromisso das seleções sul-americanas antes das eliminatórias para o Mundial de 2012, que serão disputadas em abril do ano que vem e valerão quatro vagas.
A seguir, o FIFA.com resume os jogos disputados no Ginásio Poliesportivo Municipal de Almirante Brown, na província de Buenos Aires.
Domínio avassalador
Com exceção do empate em 2 a 2 diante da Argentina na última rodada do Grupo A, o Brasil não teve piedade com os rivais. Passeando em quadra, goleou o Chile por 14 a 2 e o Peru por 8 a 1 antes da igualdade com a seleção anfitriã, resultado que ainda assim foi suficiente para a primeira posição da chave. Depois de superar com folga o Paraguai nas semifinais por 6 a 2, a seleção comandada por Marcos Sorato deixou claro quem continua mandando na América do Sul.
O Brasil também dominou os prêmios individuais: o fixo Neto foi o melhor jogador do torneio, o ala Valdín foi o artilheiro (nove gols em cinco partidas) e Djony foi o goleiro menos vazado (sete em cinco). "Anulamos a Argentina", analisou o treinador após a premiação. "A nossa seleção não repetiu os erros que vinha cometendo e segue em crescimento. Sabemos que precisamos melhorar e sempre buscar algo mais, mas, apesar do pouco tempo de treinamento, o resultado foi bom."
Deu a lógica
A Argentina obteve um resultado de acordo com a sua tradição. A alviceleste é a única seleção a ter quebrado a hegemonia brasileira na competição (em 2003) e também é a única representante sul-americana, ao lado do Brasil, a ter disputado todas as edições da Copa do Mundo de Futsal da FIFA. Apesar do tropeço na final, o conjunto do técnico Fernando Larrañaga demonstrou força ao derrotar a até então invicta Colômbia na semifinal por 5 a 0. O goleador argentino foi o experiente pivô Cristian Borruto, que marcou seis gols em cinco partidas — nenhum deles contra o Brasil, no entanto.
O Paraguai, por sua vez, ratificou a condição de terceira força da região ao derrotar a Colômbia por 3 a 1 na decisão do bronze. Na fase de grupos, os paraguaios haviam sido surpreendidos pelos colombianos. "Conseguimos o terceiro lugar que queríamos depois da derrota para o Brasil na semifinal, e foi importante terminar bem para encarar com confiança as eliminatórias do próximo ano", disse Richard Rejala, principal goleador paraguaio com seis gols e uma das caras novas com relação ao plantel que disputou o Mundial em 2008.
Forças ascendentes
Das quatro primeiras colocadas, a única que nunca participou de uma Copa do Mundo de Futsal da FIFA é a seleção da Colômbia, que surpreendeu ao terminar o Grupo B invicta com 10 pontos ganhos em 12 disputados. Os colombianos demonstraram grande maturidade ao derrotar o Paraguai na rodada decisiva do grupo, já que qualquer outro resultado significaria a eliminação. Apesar das derrotas na fase decisiva, a Colômbia mostrou uma seleção equilibrada e pode sonhar com um lugar na Tailândia 2012.
Entre os que ficaram de fora das semifinais, o Uruguai segue sendo um rival de respeito. A Celeste, que disputou três das quatro últimas edições do Mundial, decepcionou ao perder pelo escore mínimo diante do Paraguai e ao empatar com a Colômbia e não pôde repetir o vice-campeonato de 2008. Mesmo assim, tem material humano para entrar na briga por um lugar na próxima Copa do Mundo de Futsal da FIFA.

Video gol´s do Brasil!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CAMPEONATO METROPOLITANO DE FUTSAL 2016

TEMPORADA 2016

ANIVERSÁRIO CRAQUE 10